Enem 2017

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) divulgou esta semana, 16 de outubro, a cartilha do participante para a redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2017. No documento, estão as diretrizes de correção e o que se espera do aluno em cada uma das cinco competências avaliadas. A prova acontece nos dias 5 e 12 de novembro.

Não haverá mudanças quanto à forma de correção publicada na cartilha do Enem 2016.

A única alteração em relação ao modelo anterior foi na data de aplicação da redação. Neste ano, como a prova acontece em dois domingos distintos, a redação será aplicada no primeiro dia de exame, junto com Linguagens e Ciências Humanas. Segundo o Inep, o objetivo foi concentrar no mesmo dia a demanda cognitiva verbal e sociocultural do participante.

Redação

De acordo com a cartilha, a redação do Enem deve ser um texto dissertativo-argumentativo sobre um tema de ordem social, científica, cultural ou política. A partir do tema proposto, o estudante deve defender uma opinião e desenvolver, com coerência e coesão, um texto sobre o assunto, apoiado em argumentos consistentes. Por fim, o candidato elabora uma proposta de intervenção social coerente e viável para o problema sugerido no tema.

A grosso modo pode-se dizer que a conquista da vaga tem relação direta com a pontuação na Redação, isso porque, a prova de redação é a única do exame cujas notas realmente vão de zero a mil. O texto dos candidatos é avaliado por cinco competências e, em cada uma delas, o estudante pode receber uma nota que varia de 0 a 200.

As demais provas devido ao método da Teoria de Repostas ao Item, o TRI, é até possível que o candidato, mesmo acertando tudo, não alcance a nota mil.

Aluna do Colégio até 2016, Louise Batista, reforça isso ao relatar que “conseguiu uma vaga em Medicina para uma faculdade federal em virtude principalmente da nota em redação. Claro que mantendo as notas das outras matérias na média ou um pouco acima.”

Além de um critério de pontuação diferenciado, a Redação pode ter peso de até 50% no processo seletivo.

Confira a Cartilha do participante para a Redação do Enem 2017:

Locais de prova

O MEC (Ministério da Educação) divulgou também na sexta-feira, 20 de outubro, os locais das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para conferir, os candidatos devem acessar a Página do Estudante Participante, no link abaixo, ou acessar o aplicativo do exame, disponível nas plataformas iOS e Android.

A partir de agora, além dos locais das provas, os estudantes podem ter acesso ao cartão de confirmação da inscrição, que dá o número da matrícula, informa data e hora do exame, opção de língua estrangeira e demais pedidos específicos ou especializados. Para acessar o sistema, o aluno deve fornecer o CPF e a senha cadastrada na inscrição.

Antes de acessar as informações, os participantes deverão ler um aviso sobre a declaração de comparecimento. A partir desta edição do Enem, o candidato que precisar comprovar sua presença na prova deverá imprimir e levar a declaração personalizada, disponível na Página do Participante. No dia da prova, ele deverá apenas colher a assinatura do coordenador de local de prova.

Após conhecer o lugar onde fará a prova, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) recomenda que todos façam o trajeto antes do dia do Enem e verifiquem a distância, o tempo gasto e a melhor forma de chegar ao seu local de prova, para evitar atrasos no dia da aplicação.

Confira também:

Redação exige preparo sistemático e multidimensional dos estudantes 

 


Bibliografia/Fonte:
https://gauchazh.clicrbs.com.br/educacao-e-emprego/noticia/2017/10/enem-2017-mec-divulga-locais-das-provas-cj8zv2bvf06y701olvgy7mcpe.html
Visitas: 108